28 de jul de 2013

Se é meu, não é de mais ninguém!


É um sentimento de posse um tanto quando elevado, no meu caso julgo ser elevado alem da minha vontade. Basicamente: " Diga-me com quem andas (pessoas desconhecidas ou que não me agradem) que eu direi de quem tenho ciúmes. Ciúme de familiares, amigos, amores, coisas, animais, enfim de tudo que eu considere meu e se te considerar importante, com certeza terei ciúmes de você. Sim, sinto ciúmes de tudo que é meu, e de tudo que eu acho que deveria ser!
Quem me conhece sabe, não é que eu tente demonstrar sempre, é que realmente não sei esconder. Sou do tipo que falo com os olhos e expresso muito através do mesmo, até sem proferir nenhuma palavra, estarei dizendo muita coisa. Se eu gosto de alguém quero cuidar, estar perto e fazer tudo que puder pra que a pessoa esteja feliz. Porém quando vejo algo que me de motivos pra sentir ciumes, já mudo o semblante, mas se me perguntarem o que aconteceu vou dizer que esta tudo bem (só que não), no fundo o ciúmes vai estar falando mais alto. Não é um fato de que se orgulhe, mais sim sou ciumenta!

"Sentimento onde defendemos um bem que julgamos nosso e que não desejamos ver partilhado com outrem."

/Stefany Isaac.

Nenhum comentário:

Postar um comentário